<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d7665134\x26blogName\x3dA+Fonte\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://afonte.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3den_US\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://afonte.blogspot.com/\x26vt\x3d6978232382653524933', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

A Fonte

O que há de errado comigo ? Eu não sei nada e continuo limpo.

Mais algumas notas ...

Esta segunda dose já merece algum respeito e já tem aspecto de lista de melhores, independentemente de se achar que este é melhor que aquele. Inclui alguns dos meus favoritos, nomeadamente o Eddie Izzard, Dave Attell e Robert Schimmel, mas também alguns dos que mais me enervam, nomeadamente o Sinbad, seguido do Paul Rodriguez e com o Cedric à espreita. O Sinbad é mesmo um caso especial. Não sei se será algum trauma de infância, mas ver alguém que deliberadamente achou por bem chamar-se Sinbad é algo que me irrita profundamente. Como ele também não ajuda nas piadas …

Mas a minha estrela da companhia é, apesar da sua posição, o Jackie Mason. Será talvez o primeiro comediante de stand up que lembro de ver, há mais de vinte anos, num daqueles espectáculos de beneficência que os ingleses gostam de dar para deleite da rainha. Recordo perfeitamente a piada inicial : “Eu sou muito famoso na minha terra. Por isso, se não gostarem já sabem que o problema são vocês”. Brilhante. Tanto na altura como ainda hoje.
« Home | Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »

» Post a Comment