<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d7665134\x26blogName\x3dA+Fonte\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://afonte.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3den_US\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://afonte.blogspot.com/\x26vt\x3d6978232382653524933', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

A Fonte

O que há de errado comigo ? Eu não sei nada e continuo limpo.

Stand Up Comedy [40]


You know when you go to a restaurant and they have a waiting list and star calling out names. They say like : “Dufrene, party of two. Table ready for Dufrene, party of two.”. And if no one answer, they say the name again: “Dufrene, party of two”. But then, if no one answer they just go to the next name: “Bush, party of three”. Yeah, but what happened to the Dufrene’s ? No one seems to care. Who can eat on a time like this. People are missing. The Dufrene’s are in someone truck right now with duct tape all over their mouth. And their hungry. We need help. “Bush, search party of three. You can eat when we find the Dufrene’s”.

Mitch Hedberg
« Home | Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »

10:26 AM

é muito bom.
acaba por ter piada o modo desajeitado como entrega tudo, mas isso é a sua marca. é extremamente observador e utiliza nonsense bem puxado.
há muitos tipos bons, com textos óptimos, que se fossem ditos por outros teriam a fama a seus pés. se imaginarmos o seinfeld a dizer isto, faria todo o sentido. mesmo.
o stand up é metade atitude e persona, metade textos. parte da imaginação do stand upper tem que vir da sua imagem de palco. é quase injusto, mas... pensando bem, é muito justo também.

being-jose-mourinho.blogspot.com    



11:31 AM

Ah, não é nada! Qual raptados, foram só a outro restaurante. Não foram? Hum?
Eu penso muito nos Dufrene’s. Aqueles números da fila de espera que não aparecem. 58? 58? 58? 59? Boa tarde!
Mas arranjo sempre uma explicação satisfatória em que ninguém foi raptado.    



2:53 PM

BJM,
No caso deste comediante, o delivery é mesmo metade do sucesso. A forma como fala, como esconde o rosto, como entoa a voz, etc, é fundamental para, como diz e bem, tornar bons textos de nonsense em comic bits excepcionais.
E de facto é muito justo. É como um cantor ter mais sucesso porque canta melhor.

SAM,
Confesso que antes de ouvir este texto, nunca tinha pensado nos Dufrene's. Talvez daí lhe tenha achado tanta piada.    



» Post a Comment