<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://draft.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d7665134\x26blogName\x3dA+Fonte\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://afonte.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3den_US\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://afonte.blogspot.com/\x26vt\x3d6978232382653524933', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

A Fonte

O que há de errado comigo ? Eu não sei nada e continuo limpo.

Reformas

No Jornal de Negócios

Quem se reformar daqui a 25 anos recebe menos 23% de pensão
As pessoas que se reformarem em 2030 deverão sofrer, em média, um corte nas pensões de 23%, noticia hoje o Jornal de Negócios. São os jovens, que entraram recentemente no mercado de trabalho, que vão sofrer mais.

Assim de repente poderia pensar-se que isto seria uma má notícia para quem, como eu, tem 35 anos de idade e 16 de descontos. No entanto, a verdade é que eu não me preocupo muito com este tipo de parangonas. Francamente, achar que em Portugal dentro de 25 anos vamos ver os resultados das políticas que estão a ser seguidas neste momento, não só é ingénuo como é um risco.

Se a política portuguesa seguir o caminho que tem trilhado até agora, nos próximos 25 anos vamos ter, mais coisa menos coisa, 10 legislaturas e 11 Primeiro-Ministros. Enfim, mais coisa menos coisa... Continuando este raciocínio, multiplica-se por dois e temos o número de ministros responsáveis pelo sector por cada governo. Multiplique-se ainda por 1,5, (que é o número de vezes que cada ministro vai ele próprio mudar de política), e temos o número total de vezes que a política da Segurança Social vai mudar nos próximos 25 anos.

Equacionando :
Mudanças da política da Seg.Social nos próximos 25 anos = 11 PM x 2 M x 1.5 mP = 33.

A realidade, que cada vez mais se torna clara, é que provavelmente nunca mais iremos ver a cor do dinheiro que gentilmente descontamos até agora. E os governos, este e os próximos, se fossem um bocadinho mais honestos e corajosos, diziam isso mesmo e paravam de nos tentar enganar.
« Home | Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »

10:17 AM

That's a great story. Waiting for more. » »    



» Post a Comment