<body><script type="text/javascript"> function setAttributeOnload(object, attribute, val) { if(window.addEventListener) { window.addEventListener('load', function(){ object[attribute] = val; }, false); } else { window.attachEvent('onload', function(){ object[attribute] = val; }); } } </script> <div id="navbar-iframe-container"></div> <script type="text/javascript" src="https://apis.google.com/js/plusone.js"></script> <script type="text/javascript"> gapi.load("gapi.iframes:gapi.iframes.style.bubble", function() { if (gapi.iframes && gapi.iframes.getContext) { gapi.iframes.getContext().openChild({ url: 'https://www.blogger.com/navbar.g?targetBlogID\x3d7665134\x26blogName\x3dA+Fonte\x26publishMode\x3dPUBLISH_MODE_BLOGSPOT\x26navbarType\x3dBLUE\x26layoutType\x3dCLASSIC\x26searchRoot\x3dhttp://afonte.blogspot.com/search\x26blogLocale\x3den_US\x26v\x3d2\x26homepageUrl\x3dhttp://afonte.blogspot.com/\x26vt\x3d6978232382653524933', where: document.getElementById("navbar-iframe-container"), id: "navbar-iframe" }); } }); </script>

A Fonte

O que há de errado comigo ? Eu não sei nada e continuo limpo.

Tenho uma dúvida ...

Se estes gajos levarem com um míssil nos cornos, a notícia no dia seguinte vai ser de que morreram civis ou soldados do Hezbollah ?


Imagens e história no Herald Sun
The images, obtained exclusively by the Sunday Herald Sun, show Hezbollah using high-density residential areas as launch pads for rockets and heavy-calibre weapons.
Dressed in civilian clothing so they can quickly disappear, the militants carrying automatic assault rifles and ride in on trucks mounted with cannon.
The photographs, from the Christian area of Wadi Chahrour in the east of Beirut, were taken by a visiting journalist and smuggled out by a friend.
« Home | Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »
| Next »

6:07 PM

o assunto é muito delicado.
e sofre, como sempre, de contra-informação. a regra
é quase: não confiar em nenhum meio de comunicação.

isto para mim é tão chocante como israel saber disto tudo mas não se preocupar com os resultados. pelo meio, lá vão embora uns prédios de crianças, uns quantos observadores da onu, etc...

podemos mesmo julgar o que quer que seja a milhares de kilómetros de distância e com um mundo de imagens e informação formatada à nossa maneira de ver o mundo? acho, sinceramente, que não.    



6:09 PM

esqueci-me de assinar.    



11:51 AM

Mário, pode sempre ter essa dúvida porque ela é legítima. Às mais de 40 crianças assasinadas, aos observadores da ONU (e a outros que nem temos conhecimento por não serem mediáticos), não consta que tivessem sido encontradas com armas automáticas na mão. E todos os mais de 500 mortos já feitos por Israel, não me parece justificarem o rapto de nenhum soldado.
Mas como não tenho nenhuma visão parcial do acontecimento quero que fique bem claro que a minha crítica aos ataques perpretados por Israel não significa nenhum apoio implícito ao Hezbolla.
Na vida não há só preto ou branco.
Um abraço.    



3:06 PM

é curioso, não havendo só preto e branco, opta-se por colocar ambos os beligerantes no preto, como se falassemos de coisas iguais.

como se fosse verdade que existissem "prédios de crianças"

como se fosse verdade que israel assassina civis

como se fosse verdade que é possível numa guerra não existir vítimas inocentes

como se fosse verdade que ambos os beligerantes fizessem o mesmo esforço para evitar vítimas inocentes

É realmente de uma utilidade extrema que este tipo de opiniões continue a cada comentário a demarcar-se do hezbollah e da sua defesa, é que elos argumentos enunciados, nunca se sabe.    



7:43 PM

Eu sou péssimo com caras mas o condutor da primeira fotografia faz-me lembrar o protagonista deste post: http://oinsurgente.blogspot.com/2006/08/who-is-this-man.html
O mais provável é os chineses serem mesmo todos iguais.    



10:45 PM

Karloos,
É de facto muito parecido, mas penso que não.    



» Post a Comment